Rinaldo Forti

    Rinaldo Forti

    Porto Velho (RO)
    1seguidor3seguindo
    Entrar em contato

    Comentários

    (3)
    Rinaldo Forti
    Rinaldo Forti
    Comentário · há 2 meses
    A população aterrada com o maior escândalo de corrupção já descoberto neste país, tendo um terço de uma das casas do parlamento enredada nos crimes (só para ficar no Senado), em meio a uma crise econômica que desemprega mais de 12% de seus habitantes e a preocupação seria com o abuso de autoridades? É isso mesmo que a população realmente quer nesse momento?
    Abusos acontecem diariamente, mas há instrumentos de contenção (Corregedorias, CNJ, CNMP, ouvidorias e etc.) que atuam com razoável competência. O que parece realmente não atuar com competência alguma é o parlamento, que ignorando a vontade da população, que os elegeu e quer ver apurado o quanto antes os crimes de lesa pátria praticados, dedica-se a tentar blindar ainda mais seus membros da investigação.
    É muita ingenuidade acreditar que a proposta se presta a salvar a população do poder do Estado. Onde estava o Renan e o Requião quando cetenas de pobres, pretos e analfabetos eram mortos em presídios como os de Pedrinhas? Agora que são ameaçados de integrarem a população carcerária do sistema que tanto desprezaram, estão se voltando contra quem teve a coragem de investigá-los.
    Por fim, deixo aqui uma reflexão: Ainda que o juiz, promotor ou policial haja estritamente dentro da lei, haverá sempre uma justificativa para representá-lo. Ainda que sem fundamento essa representação será processada e o representado terá que se defender. Pode um agente público trabalhar com um mínimo de isenção e tranquilidade sabendo que vai ter que enfrentar uma dezena de representações se pedir uma prisão ou decretá-la? Se pedir ou determinar uma busca domiciliar ou uma condução coercitiva? Teria o Moro condições de sentenciar se tivesse que responder a 87 representações por mês? (só para lembrar a disposição do advogado de um dos acusados que arrolou esse número de testemunhas num franco propósito de empastelar o processo).
    Querem fazer uma nova legislação sobre abuso de autoridade? Ok, vamos apreciar, mas agora nossas prioridades são outras. O povo, que elegeu o parlamento para representá-lo grita, clama e exige, AGORA, medidas punitivas contra os mal feitores e não de controle das autoridades que os investiga.

    Perfis que segue

    (3)
    Carregando

    Seguidores

    (1)
    Carregando

    Tópicos de interesse

    (3)
    Carregando
    Novo no Jusbrasil?
    Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

    ANÚNCIO PATROCINADO

    Outros perfis como Rinaldo

    Carregando

    Rinaldo Forti

    Entrar em contato